Logo RTM

Compartilhe

Tecnologias para evitar o vazamento de dados bancários
PorRTM
Proteja sua instituição e os dados dos seus clientes

Instituições financeiras lidam diariamente com dados sensíveis de seus clientes: informações sobre seus rendimentos, condições econômicas, dados bancários etc. Com o objetivo de proteger os cidadãos e minimizar os impactos de um vazamento de dados, foi aprovada em 14 de agosto de 2018, a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), prevista para entrar em vigor em agosto de 2020. Entretanto, diante da crise global por conta da Covid-19, a data foi adiada para 3 de maio de 2021, por meio da Medida Provisória nº 959.

O principal objetivo da LGPD é prover segurança e o cuidado para todo e qualquer tipo de dado que identifique ou torne uma pessoa identificável, tais como dados cadastrais, genéticos, físicos, de localização, endereço, econômicos, dentre outros; introduzindo regras específicas para a recepção, tratamento, utilização e sigilo destas informações, ainda que esses dados tenham sido coletados antes da publicação da LGPD. 

Além de se adequar às regras da nova legislação, as empresas precisarão investir em soluções que mantenham os dados de seus clientes protegidos. Neste artigo, vamos apresentar 3 tecnologias para evitar o vazamento de dados bancários em instituições financeiras. Confira!

3 tecnologias para minimizar os riscos de vazamento de dados bancários em instituições financeiras

Nuvem privada

A migração de dados para a nuvem tem se tornado um comportamento comum entre as grandes empresas. Entretanto, alguns cuidados devem ser tomados. 

O ambiente em nuvem oferece uma série de riscos para as informações dos clientes, que pode facilitar o vazamento de dados bancários, caso não sejam seguidas as melhores práticas de segurança e configurações específicas para minimizar os riscos e proteger seus dados. 

Optar por uma nuvem privada é a solução mais segura, pois conta com recursos de proteção, monitoramento e gestão do ambiente que oferecem máxima proteção para as informações. Além disso, a infraestrutura contratada pela empresa será exclusiva e não compartilhada com outras empresas e instituições. 

Mas no uso da nuvem pública, as empresas também podem implementar mecanismos para proteger o ambiente evitando o vazamento dos dados. O Cloud Link, por exemplo, é uma solução que oferece conectividade dedicada e segura às principais nuvens públicas do mercado.

Isso é possível, pois a solução conta com uma infraestrutura própria e de alta disponibilidade, além de permitir acesso aos dados sem a necessidade de passar pela internet, através de uma conexão dedicada e privada. Assim, os dados dos clientes permanecem em segurança e os riscos de vazamento de dados são minimizados.

Criptografia de arquivos

A criptografia de arquivos ajuda a proteger os dados e somente alguém com a chave correta pode descriptografá-los. Com isso, mesmo que seus arquivos sejam interceptados ou acessados por indivíduo não autorizado, os dados não serão legíveis. Desta forma, garantimos que o envio e recebimento dos dados está sendo feito de forma segura. 

As soluções da RTM, como o Hub Pagamentos, contam com a criptografia para proteger os dados que circulam entre os ambientes do Hub Pagamentos e da CIP.

Data Center 

O armazenamento de dados é uma questão crítica para as empresas do mercado financeiro. Para manter as informações próximas e em um ambiente controlado, muitas instituições investem em grandes infraestruturas para criar seus próprios data centers. No longo prazo, percebem que essa solução não proporciona tanta segurança assim.

Um data center físico também está exposto ao vazamento de dados bancários e ainda corre outros riscos, como panes nos sistemas, falhas operacionais, desastres naturais que podem danificar todos os equipamentos, etc. É possível evitar esses riscos investindo em uma infraestrutura em nuvem que proporcione segurança para os dados dos clientes. 

O Cloud Services da RTM é um serviço de servidores virtualizados, com infraestrutura flexível e robusta, dimensionado conforme a necessidade do cliente. Isso quer dizer que o ambiente é construído e pode ser moldado de acordo com o que a instituição financeira precisa.

Ao contratar a solução, a empresa terá servidor virtual, equipamentos de armazenamento de alto desempenho, sistema operacional, banco de dados e serviços de backup. Além disso, para operações críticas a RTM oferece suporte técnico todos os dias do ano, durante vinte e quatro horas, monitoramento de ativos e segurança, com sistemas de firewall, antivírus e prevenção de intrusão.

A RTM conta com uma série de serviços que ajudam a evitar o vazamento de dados nas instituições financeiras.

Converse com nossos especialistas e encontre a melhor solução para o seu negócio. 

Newsletter

Cadastre-se e receba todos os nossos conteúdos por e-mail, em primeira-mão.


    Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

    Veja outras notícias relacionadas

    Elemento_RTM_Site
    Plataforma Hub Fundos ganha novo integrador: BRITech
    Executivos conversam e visualizam o infográfico sobre presente e futuro dos meios de pagamentos em tablet.
    O presente e o futuro dos meios de pagamentos: Banco 3.0, Open Finance, Banking as a Service e outras tecnologias
    Imagem de nuvens do céu que representam a nuvem de TI. A pergunta "É seguro manter dados financeiros na nuvem?" aparece para representar a indagação feita no artigo.
    Dados financeiros na nuvem: 5 dúvidas respondidas