Responsabilidade Socioambiental

Comprometida em contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e sustentável, a RTM patrocina ações de inclusão social e adota iniciativas para redução do impacto ambiental.

Para a RTM, promover a cultura, a arte e o consumo consciente, respeitando a diversidade e promovendo a redução das desigualdades sociais é o caminho para um mundo mais igualitário.

Escola de Música e Cidadania

Desenvolvido pela ONG Agência do Bem, o polo da Escola de Música e Cidadania, localizado no Instituto Sociedade Amante da Instrução - ISAI, contempla cerca de 115 crianças e jovens de classes menos favorecidas do Rio de Janeiro do 2º ao 4º ano do Ensino Fundamental. A metodologia de ensino utiliza a música como meio de inclusão social. São ministradas aulas de canto e coral, oficina criativa e teoria musical, violino, além de musicalização.

Com o apoio da RTM, foram beneficiadas, em 2018, 11 comunidades, atendendo 1095 alunos, que trabalharam o tema Pluralidade Cultural, com o intuito de promover o respeito a diversidade entre os estudantes, ampliando seus horizontes.

Desde 2016, a Escola de Música e Cidadania recebe aporte financeiro da RTM para ampliar a cada ano seu alcance nas comunidades.

Alunos da Escola de Música e Cidadania na aula de violino

Sobre a ONG Agência do Bem
A Agência do Bem é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público-OSCIP, reconhecida pelo Ministério da Justiça, sem fins lucrativos e sem finalidade religiosa ou político-partidária, fundada em 2005. Sua missão é promover o desenvolvimento humano visando à cidadania plena de populações de baixa renda, através da educação, de forma transparente e sustentável. Mais informações em http://www.agenciadobem.org.br.

Sobre o ISAI – Instituto Sociedade Amante da Instrução
Fundado em 1829, o ISAI atende 190 crianças de 5 a 11 anos, da educação infantil ao quinto ano, com aulas no período integral. Além das matérias convencionais os alunos recebem quatro refeições diárias, atendimento psicológico, pedagógico, odontológico, médico, material escolar e didático, uniformes e atividades extras, através dos mais variados voluntários que proporcionam aulas de inglês, música, artesanato, teatro, etc. Para saber mais clique em http://www.isai.org.br



Redução do Impacto Ambiental

Desde 2010, a RTM faz parte do programa da Recicladora Urbana, que consiste em reutilizar seus equipamentos para diminuir o impacto ambiental.

Os computadores que a RTM doa são repassados a projetos de inclusão digital e social. É importante ressaltar que é feita a descaraterização dos dados de todos os materiais.

Outras ações que adotamos para diminuir o impacto ambiental:

  • Programa de reciclagem da HP: os cartuchos de tinta ou toners das impressoras são doados ao projeto para reciclagem evitando assim o descarte indevido;
  • Eliminação de copos descartáveis substituídos por copos feitos com fibra de coco;
  • Eliminação a obrigatoriedade de impressões que não sejam legalmente necessárias;
  • Incentivo ao consumo consciente da água;
  • Substituição de lâmpadas tradicionais por led;
  • Coleta seletiva de lixo.


Solar Social

Solar Social é uma plataforma de solidariedade que conecta pessoas que querem ajudar a pessoas que precisam de ajuda de forma simples.

A startup, fundada em 2010, tem o propósito de transformar vidas através da arte, solidariedade e tecnologia.

Ao acessar o site, a partir de qualquer dispositivo, há um mapa contendo as causas, que podem ser entidade, projeto social ou história humanitária, organizadas por cores (aids, câncer, crianças carentes, dependentes químicos, idosos e pessoas com deficiência) Além disso, na opção de busca, é possível descobrir quem ajudar por localização, causa e tipo de doação.

Atualmente, o Solar Social possui mais de 100 causas em cerca de 20 estados do Brasil. Mais informações em: http://solarsocial.net/



NO CAMINHO DA ARTE CIDADÃ

Criado pela Associação Filarmônica Camerata Florianópolis, é destinado a crianças e adolescentes que frequentam os Centros de Convivência de Fortalecimento de Vínculos; e/ou alunos da rede municipal de ensino e da APAE; ou ainda crianças e adolescentes atendidos em instituições de amparo social, cujo acesso aos bens culturais é limitado. Prevê educação musical através de aulas de teoria musical, musicalização e instrumentos de corda para cerca de 90 alunos, além de apresentações e concertos com grupos da Filarmônica Camerata.

Sobre a Associação Filarmônica Camerata Florianópolis

Tem por missão a busca constante de aprimoramento artístico-musical, em um ambiente que privilegie o respeito mútuo, coleguismo, respeito à hierarquia, de forma a levar ao público espetáculos de bom nível, contribuindo com o crescimento da cultura local e a democratização do acesso à música através de concertos populares e ensino de música. Mais informações em www.camerataflorianopolis.com.br.