Notícias

PSTI ANBIMA começa a operar - 08/06/2011

O PSTI - Provedor de Sistemas de Tecnologia da Informação – ANBIMA já está em operação.  Em maio de 2010, o Banco Central concedeu a autorização para que o serviço fosse criado pela Associação e, em novembro daquele ano, algumas instituições já começavam a fazer os primeiros testes.

A Oliveira Trust foi a primeira a concluir o processo de homologação exigido pelo BC e a entrar em produção, seguida da Planner e Renascença. A Lecca, a Portocred e a XP Investimentos também já terminaram a fase de homologação e devem começar a operar em breve. Duas instituições estão em fase de testes e outras duas iniciando a implantação do sistema.

O PSTI pode ser utilizado por bancos - detentores de conta Reservas Bancárias - e instituições não bancárias, como corretoras, distribuidoras de valores e empresas de Crédito, Financiamento e Investimento - detentoras de conta de Liquidação – para acesso ao STR (Sistema de Transferência de Reservas), com custo reduzido de infraestrutura e conexão.  “Estamos bastante satisfeitos com a escolha de operar via PSTI. Além das vantagens de trabalhar com um parceiro conhecido e com custo compartilhado, temos o conforto de ter um sistema compatível com todo o mercado”, comenta Mauro Sérgio Oliveira, sócio-diretor da Oliveira Trust. A plataforma tecnológica utilizada pelo PSTI é a RTM. A ANBIMA conta ainda com a parceria da JD Consultores, empresa especializada no desenvolvimento de soluções de tecnologia, responsável pelo fornecimento dos softwares.

O PSTI ANBIMA é um dos serviços compartilhados oferecidos pela Associação ao mercado. O objetivo desse conceito de comercialização de produtos é permitir que as instituições de pequeno e médio portes possam ter benefícios de negociação similares àqueles obtidos pelas maiores.